Hotéis e Pousadas em Piripiri

O município de Piripiri, localizado no estado do Piauí, tem como principal e espetacular atração turística o Parque Nacional de Sete Cidades.

Administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, autarquia vinculada ao Ministério do Meio Ambiente, e protegido pelo Decreto 84.017, que aprovou o Regulamento dos Parques Nacionais do Brasil.

Na área do Parque existem várias formações rochosas, piscinas naturais, cachoeiras, inscrições rupestres e estátuas de pedra de uma beleza exuberante, cercadas de magia e muitos mistérios.

Conheça são as melhores opções de hospedagem em pousadas e hotéis de Piripiri (PI):

hotel fazenda sete cidades
Hotel Fazenda Sete Cidades

Dicas e Passeios em Piripiri

O parque é dividido em 7 cidades imaginárias cada uma com suas particularidades. Confira abaixo as atrações de cada uma:

Primeira cidade, chamada  Piscina dos Milagres, é formada por uma das nascentes do parque, abrigando uma deliciosa piscina natural, a Pedra dos Canhões, Pedra da Gia, o Salão do Pajé, o Dragão Chinês, Máquinas de Costura, Pedra da Cobra, Banco da Praça, Pedra da Ema, Serra Negra, Painéis de Inscrições e a  Arca de Noé.

Segunda cidade, denominada  Arco do Triunfo, possui uma vista panorâmica, com 82 metros de altura, é o ponto mais alto de sete Cidades. A Biblioteca, que lembra um local de leitura, com livros e papéis empilhados, o Pé do Gigante, um pé esquerdo marcado na rocha, a Pedra do Falo, com o formato do órgão sexual masculino, O Morro das Oliveiras, a Pedra do Castelo, a Igreja Velha, o Soldado Velho e o Teatro de Arena.

Terceira Cidade, chamada Cabeça de Dom Pedro I, com aparência do perfil do rosto do imperador do Brasil, os Três Reis Magos, a Pedra do Segredo, lembra o órgão sexual feminino, a Pedra do Beijo, duas rochas encostadas rosto a rosto, o Dedo de Deus, a Pedra do Pombo, o Mapa do Brasil, a Cabeça do Preto Velho, a Cara do Diabo, a Pedra do Gorila, a Pedra de Nossa Senhora, a Passagem do Vento, a Janela do Rei, a Pedra do Sacrifício, o Curral dos Índios, a Gruta do Estrangeiro, a Cara do Palhaço, o Cavalo Marinho, a Pedra da Pirâmide, a Pedra do Cachorro e do Gato e o Tótem do Sol.

Quarta Cidade, denominada Gruta do Catirina, onde morou José Catirina, o curandeiro de sete cidades, Archete, uma passagem que leva a vários outros atrativos, Mapas do Brasil e do Ceará, Cabeça de Águia, Pedra dos Dois Lagartos, Pedra dos Dois Irmão e o Leão Deitado.

Quinta Cidade, chamada Pedra do Camelo, Furna do Índio, contém inscrições que lembram rituais de caça, Pedra do Rei, a Casa do Guarda, como se vigiasse a cidade e a Pedra das Inscrições, que contém pinturas pré-históricas.

Sexta Cidade, denominada Pedra da Tartaruga, Pedra do Elefante e a Pedra do Cachorro, belezas naturais compostas por pedras encaixadas em forma de polígonos que desabam com um toque.

Sétima Cidade, chamada de Reserva Ecológica, é um dos monumentos mais ricos em inscrições pré-históricas. O acesso somente é permitido com autorização do ICMBio.



Compartilhar: