Nosso segundo passeio em Ushuaia foi uma navegação pelo Canal de Beagle até o Farol do Fim do Mundo. No caminho iríamos conhecer algumas colônias de lobos marinhos e faríamos uma caminhada pela Isla Bridges. O passeio foi contratado com a empresa Patagonia Explorer, custou salgados 250 pesos por pessoa (pouco menos de R$ 110 cada) e nos deu direito a três brindes: um chocolate quente na Laguna Negra, um chopp no Macario 1910 Pub e uma lembrancinha do La Ultima Bita – pasmem, mas acabamos não usufruindo de nenhum deles.

Após pagarmos uma taxa de 7 pesos no Cabotaje Nacional (3 reais, pela utilização do porto) subimos no barco e começamos a nos distanciar de Ushuaia através do Canal de Beagle, aproveitando uma paisagem que ficava cada vez mais sensacional e propiciou belos registros fotográficos da cidade, com a Cordilheira dos Andes ao fundo. A nossa guia foi contando histórias dos povos fueguinos (grupos étnicos que viviam na Terra do Fogo e foram praticamente dizimados pela chegada dos europeus, em especial os Selk’nam e os Yámana) e conquistou a simpatia dos mais insensíveis, pela adversidade de viver neste lugar. O fogo era o fiel companheiro destes grupos – até mesmo em cima das canoas ele estava presente.

Passamos pela Isla Alicia, e nos surpreendemos com uma linda colonia de lobos marinhos – e o cheiro é insuportável, mesmo. Seguimos até a Isla de los Pájaros, repleta de cormorões reais. Passamos também pela Isla de los Lobos, onde tivemos a sorte de contemplar uma loba marinha amamentando. Chegamos ao famoso Farol do Fim do Mundo, denominado Faro Les Eclaireurs e finalmente a Isla Bridges, onde desembarcamos e caminhamos por uma trilha em meio a uma espécie de vegetação que cresce apenas 1 milímetro por ano – do local era possível contemplar ao longe a Ilha Navarino, já em território chileno.

Nosso passeio durou pouco mais de 3 horas, com direito a chás, café, biscoitos e licor. Para nossa surpresa o comandante do barco é um gaúcho – gremista – de Santa Rosa que está no Ushuaia a 21 anos. Silvio Lima, o comandante, nos deu boas dicas de restaurantes menos turísticos (ou seja, comida mais autêntica e mais barata) e de quebra compartilhou um chimarrão que ajudou a diminuir a sensação de frio.

As fotos abaixo mostram um pouco do passeio:

ushuaia-canal-beagle

A cidade de Ushuaia vista do Canal de Beagle

canal-beagle

O Canal de Beagle com Ushuaia bem ao fundo

farol-fim-do-mundo

O Farol do Fim do Mundo

lobos-marinhos-ushuaia

Lobos Marinhos

lobo-marinho

Um lobo marinho relaxando

isla-bridges

Uma praia na Isla Bridges

turistas-isla-bridges

Turistas aproveitam para tirar fotos na Isla Bridges

comandante-silvio-lima-ushuaia

O comandante Silvio Lima trabalhando